O Blues de Muddy Watters

Muddy Watters

Considerado o pai do Chicago Blues, McKinley Morganfield, mais conhecido como Muddy Waters, nasceu no Mississipi, em abril de 1915. O músico começou sua carreira com um violão acústico, mas em 1943, quando trocou-o por uma guitarra, já morando em Chicago, passou a receber o título de inventor da guitarra elétrica. Seu nome artístico, que chega a ter um significado poético (Águas Lamacentas) foi dado a ele ainda na infância. O pequeno McKinley passou boa parte dela brincando em um rio.

O Blues de Muddy Watters

O Blues de Muddy Watters

Suas primeiras canções foram gravadas no começo da década de 40, mas foi nos anos 50 que Muddy Waters passou a inovar no blues. O músico surgiu com uma banda composta por uma guitarra amplificada, uma harmônica, um piano e uma bateria, tornando o desempenho de suas músicas ainda mais intenso e cheio de vida.

Além de ter sido o primeiro a tocar blues elétrico na Inglaterra, Waters também acabou influenciando dezenas de outros artistas, como Elvis Presley, Mick Jagger e a banda Led Zeppelin. Foi inclusive de uma música de Muddy Waters que Mick Jagger tirou o nome dos Rolling Stones, a mesma canção que inspirou também a música “Like a Rolling Stone”, do Bob Dylan. O Led Zeppelin compôs a faixa “Whole Lotta Love”, um dos seus maiores sucessos, baseada na canção “You Need Love”, interpretada por Waters e composta por Willie Dixon. Foi ele também que ajudou o músico Chuck Berry a assinar o seu primeiro contrato com uma gravadora.

Mesmo tendo ajudado e influenciado tantos artistas e participado de inúmeros festivais internacionais de blues e jazz, Waters demorou a atingir o sucesso mundial. Foi apenas na década 70 que teve seu talento reconhecido, chegando a receber seis Grammys. Muddy Waters morreu no dia 30 de abril de 1983, aos 68 anos, com 37 discos lançados. Seu último trabalho, o álbum “Live at Mister Kelly’s”, foi lançado em 1971.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Blues

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *